domingo, 7 de abril de 2013




OS ESTRANHOS ACONTECIMENTOS DO ANO DE 2013  SOB A LUZ DO NÚMERO 13 - PARTE 1





Nestes primeiros dias mais frios de outono em São Paulo, Maria Rita não deu descanso à imaginação. Enquanto Kaká viajava a trabalho, dedicou-se a tentar entender a angústia que se apossou dela nos últimos meses.
Aparentemente sua vida caminhava bem, até que começou a sentir o caos por dentro e ao redor. Nada parecia estar no lugar certo, propostas de trabalho eram canceladas de véspera, planos e projetos em conjunto com o Kaká começaram a ser adiados.... uma sensação de vazio e irritabilidade sem causa repentinamente se apossaram dela, sem que nada pudesse fazer para evitar ou remediar.
- Tudo começou neste ano. Serão os efeitos de 2013? Uma premonição de algo que está por vir?, perguntava para si mesma.
Sim, é necessário dizer que Maria Rita sempre foi intuitiva, e mais de uma vez, antes de acontecimentos importantes e significativos em sua vida, sentiu-se estranha, ansiosa ou triste.
Diante do notebook, aproveitou o final de semana para mergulhar na internet nas teorias fantásticas, desde científicas a espiritualistas, sobre o enigmático ano de 2013 e seus estranhos acontecimentos: do outro lado do mundo o Papa renunciou, asteroide passou muito próximo da Terra, explosões solares, meteoro fez tremer a Rússia, a Coréia do Norte ameaça travar “uma guerra sem quartel” contra a Coréia do Sul e os Estados Unidos; aqui, a tragédia na casa noturna de Porto Alegre deu lugar à violência em Santa Catarina; Rio de Janeiro está “pacificada” embora a violência continue, São Paulo alagada e sob as águas das chuvas enquanto a Prefeitura banca com dinheiro público o Estádio do Corinthians; Renan Calheiros assumiu a Presidência do Senado falando em ética, enquanto sua rede de escândalos é sufocada pelo deputado Marcos Feliciano, que assumiu a Presidência da Comissão dos Direitos Humanos e Minorias, sem nem ao menos saber o que isso representa...
- Será o final dos tempos?, pensou. Nem é preciso acrescentar, que a cada novo acontecimento vai ficando mais desorientada e confusa.
Sentindo-se assim, resolveu mandar um e-mail para Isabela, a guru da família: Bela, gostaria de te encontrar amanhã. Pode ser?
Não tardou para receber o convite confirmando seu pedido: Venha à tarde tomar chá comigo. Estarei te esperando.
No dia seguinte, ao aproximar-se da casinha com flores na janela, ouvir o leve toque do sino dos ventos pendurado no portal de entrada e sentir o cheiro de insenso, deixou-se tocar pela paz e a aura que sempre fizeram de Bela uma pessoa tão especial.   

Foi recebida por ela com o sorriso e serenidade de sempre.
- Prima, que bom te ver outra vez!
- Você não faz ideia de como me sinto bem aqui! Em especial quando sinto o coração apertado.
- Antes de qualquer coisa vamos tomar o chá, pra esquentar um pouquinho e espantar a garoa fria que cai lá fora.
O chá fumegante com biscoitos e geleia natural, de fato, agasalharam e aquietaram o coração de Maria Rita naquele momento.
Deixaram a mesinha redonda e sentaram em meio às almofadas no cantinho especial onde Bela costuma receber os amigos, fazer suas leituras e meditações.
- O que a traz aqui?, perguntou Bela sem rodeios.
- Há algum tempo venho fazendo perguntas sobre o momento que vivemos e não encontro as respostas.
- Como assim?
- Lembra quando falamos sobre a estranha energia do número 11? Pois é, hoje sinto como se algo estivesse fora de lugar, apesar de tudo parecer bem. Estes dias li estudos sobre o ano de 2013; cientistas, religiosos e místicos do mundo inteiro analisando pistas deixadas por civilizações e profetas do passado. Pelo que entendi, para alguns, o ano de 2013 seria um divisor de águas entre o fim de uma era e o início de outra.  Não sei o que tudo isso quer dizer, só sei que me sinto cada vez mais sufocada e inquieta.
- E você acha que isso tem a ver com o ano de 2013?
- Não ria de mim, mas começo a achar que sim. Bela, você há de convir que este ano tem sido marcado por acontecimentos beeemmm estranhos. Quando da renúncia do Papa Bento XVI, por exemplo, o Kaká estava lá, e ele juntamente com o fotógrafo italiano Filippo Monteforte, perplexos, testemunharam um raio cruzar o céu e atingir o teto da Basílica de São Pedro no Vaticano, era a noite de 11 de fevereiro. Olha ele aí, o 11 de novo. Os dois registraram o flagrante em foto, e isso aconteceu algumas horas após o Papa Bento XVI ter anunciado que renunciaria ao Papado no dia 28.
- E...??? quis saber Bela.
- O Kaká ficou muito impressionado com o que viu. Conversamos muito a respeito sem chegar a uma conclusão. Bela, por que o raio foi cair em cima da Basílica do Vaticano após o anúncio da renúncia do Papa? Terá sido uma coincidência? Algum sinal espiritual? Um sinal do que está por vir?
-  Há coincidências que nos chamam a atenção, pois trata-se de eventos simbólicos, que vão além de meras explicações racionais ou cartesianas, não é mesmo?
- Ai Bela não complica...
- Algo novo está acontecendo, de fato. Você e o Kaká captaram bem, por trás da renúncia do Papa, muita coisa do que está por acontecer pode ser explicada. Posso adiantar que esses acontecimentos tem como pano de fundo o místico número 13. Mas antes terminemos o restinho de chá, senão vai esfriar.
Ao ver a cara de espanto de Maria Rita, foi inevitável Bela não esboçar um leve sorriso, e observar:
- Hamlet disse a Horácio: há mais cousas no céu e na terra do que sonha a nossa filosofia.
- E não é? Até Hamlet!!!
E ambas caíram na risada. 


 O planeta sonho será Terra
A dissonância será bela
E lá no fim daquele mar
A minha estrela vai se apagar
Como brilhou, fogo solto no caos...
 
Shadow/Mariasun


Licença Creative CommonsO trabalho OS ESTRANHOS ACONTECIMENTOS DO ANO DE 2013 SOB A LUZ DO NÚMERO 13 – PARTE 1 de MARIASUN MONTAÑÉS foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...