segunda-feira, 10 de novembro de 2014



BRASIL, O GIGANTE QUE NÃO ESPELHA MAIS A SUA GRANDEZA

 

O Brasil já é um Estado Bolivariano. Em silêncio o PT fez a sua revolução e subverteu a ordem. Essa é a modalidade de revolução mais eficaz que há. Sem derramamento de sangue, vai ocupando todos os espaços do Legislativo ao Judiciário (até 2018 o PT terá nomeado 10 dos 11 Ministros do Supremo Tribunal Federal); do controle da imprensa, às empresas estatais e bancos públicos, com pessoas do partido ocupando os principais cargos de gestão, direção e administração; ao tempo que, alimenta em boa parcela da população a dependência ao Estado, perpetuando o empobrecimento e a miséria; além de treinar e importar militantes para a guerrilha. O que Elias Jaufa, Ministro de Maduro do Poder Popular para Comunas e Movimentos Sociais da Republica Bolivariana da Venezuela, veio fazer no Brasil? "Confraternizar" com o MST durante as eleições? Brasília não sabia? Conta outra! No mínimo, ele passou pela Policia Federal com passaporte diplomático. Como é que ninguém sabia???

Toda essa situação só foi possível porque a OPOSIÇÃO nos últimos anos foi acomodada e omissa neste país. Simplesmente deixou rolar. Ninguém se iluda com o PSDB e o discurso do Aécio de que haverá uma fiscalização ostensiva contra os desmandos e a corrupção do (des)Governo PTista. Dificilmente eles sairão da zona de conforto, antes continuarão deitados em berço esplêndido. 

Se fosse o contrário, Lula e seus asseclas estariam fazendo o diabo, caso tivessem sido derrotados por uma margem tão pequena nas eleições e diante da falta de lisura e transparência das urnas eletrônicas, conforme foi vastamente denunciado nas redes sociais, ou, se seus adversários tivessem feito um terço do que a Campanha da Dilma fez no período eleitoral com o uso indevido da máquina do Estado em benefício próprio, como os Correios e o Banco do Brasil, ou, com o envio de mensagens ameaçadoras de exclusão dos benefícios aos cadastrados nos programas sociais... o que além de ser vergonhoso, no mínimo, constitui crime eleitoral.

O Foro de São Paulo idealizado por Lula, criado em 1990 por ele e Fidel Castro, conseguiu seu intento. O Brasil hoje está a serviço de Cuba, Venezuela, Bolívia, Equador, Nicarágua, Peru. Diga-se, o que há de pior e mais retrógrado nas Américas. O dinheiro de nossos caros impostos está a serviço da corrupção e enriquecimento de um partido político e de seus aliados, e, de investimentos na infraestrutura desses países como portos, rodovias, pontes... enquanto, nossos portos permanecem obsoletos, rodovias estão em péssimo estado e pontes continuam caindo.

Neste momento, o povo só pode contar com ele mesmo, essa é a verdade. Ainda há tempo para rebelar-se e fazer a diferença contra o Estado totalitário que o Brasil se tornou, haja vista que, não é o que a maioria quer. A se considerar o resultado das urnas (mesmo que questionável), 62% dos brasileiros repudia esse regime ditatorial de extrema esquerda. Somos um povo que aspira pela liberdade e a Democracia. Somente nas ruas será possível defender o país e demonstrar que um filho seu não foge à luta, pois o verde e o amarelo ainda é a cor da nossa bandeira.

No mais, não há muito que esperar. Por ora, o único alento vem dos Estados Unidos, veja você!!! O Departamento de Justiça dos EUA e SEC (Securities Exchange Commission), o órgão que regula o mercado de capitais nos EUA, estão investigando a Petrobras. O objetivo é apurar se a estatal ou algum de seus representantes,intermediários,empregados ou afins violaram a FCPA (Foreign Corrupt Practices Act), que nada mais é do que verificar se houve desobediência às normas de combate à corrupção, que norteiam as empresas americanas, bem como, aquelas que negociam suas ações na Bolsa americana. Com base nisso, foi aberta a investigação anticorrupção na Petrobras e auditores de uma empresa americana já estão na estatal. Eles não brincam em serviço. Ações da Petrobras foram negociadas na Bolsa de Valores de Nova York, e caso fique comprovado que houve irregularidades e desvio de capital dos investidores, poderá haver responsabilização civil e criminal. Na mira, estão os principais gestores, diretores e conselheiros da estatal, que deram causa a um prejuízo de US$ 1 bilhão 180 milhões, só na refinaria de Pasadena. E isso não é nada, frente ao rombo que está sendo apurado na Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, inicialmente orçada em US$ 2 bilhões e meio, já foram gastos US$ 20 bilhões, sem que um único barril de petróleo tenha sido produzido até hoje.

Dentre os possíveis investigados pela ladroagem:

Sergio Gabrielli ex-presidente da Petrobras, também chefe da Casa Civil de Lula, ao tempo que Dilma Rousseff, presidia o Conselho de Administração da Petrobras. Luis Inácio Lula da Silva, haja vista que em seu Governo todos os envolvidos estavam diretamente ligados a ele, e, a ele respondiam. Guido Mantega (Ministro da Fazenda e presidente do Conselho de Administração da Petrobras), Maria das Graças Foster (presidente da estatal); Almir Guilherme Barbassa (diretor financeiro da empresa e presidente do braço internacional PFICo – Petrobras International Finance Co - uma das grandes caixas-pretas no sistema Petrobras), Nestor Cerveró (Diretor financeiro da BR Distribuidora, indicado ao cargo por José Dirceu), Alberto Feilhaber (que foi empregado da Petrobras durante 20 anos e que agora é vice-presidente da Astra Oil, a empresa holandesa que vendeu Pasadena para a Petrobras), Renato Duque (ex-diretor de Engenharia e Serviços da Petrobras, o homem de José Dirceu na estatal).

Atente-se que a Suprema Corte americana, costuma pegar pesado em casos de corrupção que lesem a boa fé dos cidadãos. Dilma Rousseff pode ser um dos alvos. Para a Justiça de lá, ela é a ex-presidente do Conselho da Petrobras envolvendo a compra e negociação da refinaria de Pasadena.

Essa ação judicial tem respaldo no próprio Estatuto da Petrobras, que prevê que seus dirigentes podem ser diretamente responsabilizados judicialmente por atos temerários contra a governança corporativa. Conforme o art. 23 do Estatuto Social da Petrobras, os membros do Conselho de Administração e da Diretoria Executiva responderão, nos termos do art. 158, da Lei nº 6.404, de 1976, individual e solidariamente, pelos atos que praticarem e pelos prejuízos que deles decorram para a Companhia.

No art. 28, o Estatuto estipula que ao Conselho de Administração compete: fiscalizar a gestão dos Diretores; avaliar resultados de desempenho; aprovar a transferência da titularidade de ativos da Companhia, inclusive contratos de concessão e autorizações para refino de petróleo, processamento de gás natural, transporte, importação e exportação de petróleo, seus derivados e gás natural. E, no art. 29, o Estatuto determina: compete privativamente ao Conselho de Administração deliberar sobre as participações em sociedades controladas ou coligadas.

Não é à toa que o PT esteja tão empenhado na Reforma Política, quer encontrar desesperadamente uma forma de anular os efeitos dessa investigação. E é nessa Reforma que está a consumação do Golpe e o aval para a impunidade desses ladrões.

Também não é por acaso que Graça Foster e Nestor Cerveró, estejam doando seus bens a filhos, netos, cachorro, periquito, papagaio... não, não é porque eles são generosos.

Talvez isso justifique a violência hoje reinante no país. A truculência, o caos e a criminalidade não deixa de estar a serviço daqueles que querem se perpetuar no poder. O narcotráfico é um dos seus braços, com ramificações na as FARC e Hezbollah. Esses "meninos", delinquentes juvenis, que roubam e matam por nada, estão em treinamento, cumprindo “missões” para galgarem postos na hierarquia do crime e da guerrilha. São parte do exército que está sendo treinado a serviço de um partido. As UPPs do Rio? Conversa pra boi dormir! É por isso que para alguns falar-se na redução da menoridade penal é crime de lesa majestade, ou, a razão de se fomentar o ódio contra aqueles que são contrários aos desmandos e à roubalheira institucionalizados, rotulando-os de sectários, reacionários, elite branca...

É nisso que doze anos de (des)governo petista transformou este país varonil, o gigante cujo futuro não espelha mais a sua grandeza.


Brasil, de amor eterno seja símbolo...


Shadow/Mariasun Montañés 



Licença Creative CommonsO trabalho BRASIL, O GIGANTE QUE NÃO ESPELHA MAIS A SUA GRANDEZA de MARIASUN MONTAÑES está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...